AVC

Acidente vascular cerebral: uma bomba-relógio

Conhecido simplesmente pela sigla AVC, o acidente vascular cerebral é a principal causa de incapacidade no Brasil, tirando, ainda, a vida de 100 mil pessoas por ano, segundo o Ministério da Saúde.

Caracterizado pela interrupção no fornecimento de oxigênio em alguma área do cérebro, o AVC se dá quando uma artéria cerebral é entupida ou se rompe, ocasionando uma falha na irrigação dos tecidos.

Apesar de ser mais comum entre pessoas idosas, o AVC pode acontecer em qualquer idade e tem crescido entre adultos jovens. Em qualquer idade, no entanto, o AVC pode causar danos permanentes, como problemas cognitivos e de mobilidade.

Consequências para toda a vida

O AVC não é a principal causa de incapacidade à toa. Seus efeitos imediatos mais comuns são paralisia ou fraqueza de um lado do corpo e dificuldade de fala; no entanto, se o paciente não for levado imediatamente à emergência médica, não apenas corre risco de morte, como também pode ter sequelas permanentes graves.

Entre essas sequelas possíveis, temos falhas na memória, problemas cognitivos, dificuldade de deglutição e paralisia permanente, principalmente quando não é realizada a reabilitação de maneira adequada nos meses seguintes ao AVC. Além disso, o AVC possui alto índice de reincidência, com cerca de 1 em cada 3 pacientes sofrendo um novo acidente (normalmente mais grave do que o primeiro).

Por isso, não brinque com o assunto: aprenda a prevenir o AVC e mãos à obra!

Obesidade e AVC

O AVC tem uma série de fatores de risco associados – e a obesidade é um dos principais. A obesidade é marcada pelo excesso de células gordurosas no sangue, o que aumenta enormemente o risco de entupimento de artérias, causando o AVC.

Além disso, a obesidade normalmente provoca hipertensão e diabetes, dois dos principais fatores de risco para a ocorrência de um AVC. Independentemente de doenças associadas e do IMC, a simples existência de obesidade abdominal constitui fator de risco para o AVC, segundo estudo.

Por fim, as recomendações comumente feitas para a prevenção do AVC são, em parte, as mesmas para combate à obesidade, como alimentação balanceada, prática regular de exercícios físicos e moderação no consumo de álcool.

Não deixe que a obesidade provoque danos irreversíveis em sua vida. Cuide-se!

Tratando a obesidade e prevenindo o AVC

Tratar a obesidade, assim, é fundamental na prevenção ao AVC. O acompanhamento especializado é de vital importância na redução do peso de forma equilibrada e saudável, e, consequentemente, na prevenção de diversas doenças associadas.

Por isso, não perca tempo e venha para a Clínica da Obesidade! Cuide-se com quem tem mais de 10 anos de experiência em emagrecimento saudável sem cirurgia, apenas com tratamento clínico adequado. Não deixe a sua saúde para depois!

Agende sua Avaliação

Se você precisa perder muito peso não consegue, venha fazer uma avaliação presencial ou online com nossa equipe médica especializada em emagrecimento saudável. Preencha seus dados e aguarde o nosso contato.

Fechar

Agende sua Avaliação

Se você precisa perder muito peso não consegue, venha fazer uma avaliação presencial ou online com nossa equipe médica especializada em emagrecimento saudável. Preencha seus dados e aguarde o nosso contato.